sexta-feira, abril 30, 2010

Novo Windows Live Messenger é anunciado com foco em redes sociais


Facebook, MySpace, LinkedIn, Flicker, Zune e YouTube estarão conectados ao mensageiro instantâneo

O Windows Live Messenger comemora seus 11 anos de vida (considerando desde a época em que se chamava MSN Messenger) com uma nova versão, mais focada no conceito de rede social. A nova versão do mensageiro virtual estará disponível nos próximos meses, conforme anunciado pelo próprio presidente da Microsoft, Steve Ballmer, que está em São Paulo.

O Brasil foi escolhido para o anúncio por ser o país com maior número de usuários no mundo: mais de 46 milhões de pessoas. Ao todo, o Windows Live Messenger tem mais de 320 milhões de usuários, que enviam 10 bilhões de mensagens todos os dias.

“A medida que o uso da internet cresce, os usuários em todo o mundo compartilham mais conteúdo por meio de uma variedade de redes sociais diferentes, websites de fotos e vídeo, entre outros meios de compartilhamento. Com o Messenger, fica mais fácil acompanhar as novidades das redes sociais e enviar informações e imagens para os amigos mais próximos”, afirma Osvaldo Barbosa de Oliveira, diretor geral do grupo de serviços online e consumo da Microsoft Brasil.

“O Messenger é um produto que todos adoram e faz parte da vida dos brasileiros. Hoje ele é responsável por cerca de 25% dos minutos gastos na internet no Brasil. Não poderia haver lugar melhor para um anúncio importante como esse.”

O novo Messenger reunirá as atualizações de redes sociais como Facebook, MySpace e LinkedIn, permitindo que amigos compartilhem, comentem e enviem mensagens por meio dessas redes a partir do próprio Messenger. Além disso, com a possibilidade de integrar qualquer website como Flicker, Zune e YouTube, o usuário poderá compartilhá-los com os amigos e receberá atualizações no próprio Messenger.

Ele agora oferece também chat em vídeo de alta definição e full screen (tela cheia). E você pode até participar de chats em vídeo enquanto joga algum game, compartilha fotos e bate-papo, desta forma você pode ver a reação de seus amigos em tempo real.

O Windows Live Messenger novo também está integrado aos resultados de busca do Bing, além de permitir conexão direta com qualquer site que integre o Messenger.




Fonte: http://tecnologia.br.msn.com/

10 plug-ins para melhorar o seu blog no Wordpress


Wordpress é minha paixão. Cheguei já a ter cinco blogs diferentes pela rede, todos utilizando a mesma plataforma. O problema é que eu gosto mais de “brincar” com a ferramenta do que de atualizar os posts…

Ontem mesmo, procurando algumas coisas para o meu blog pessoal, encontrei alguns plug-ins bem legais que podem ajudar em questões de SEO. Sem contar com alguns recursos que podem melhorar o tempo de permanência e divulgação do trabalho.

Vamos ao que interessa:

1-HeadSpace 2: Há quem prefira o “All in One SEO”. Argumento por argumento, não há como negar a necessidade de recursos que melhorem sua visibilidade nos mecanismos de busca. Além disso, uma ferramenta que automatiza o SEO no blog significa mais tempo para postar.

2-Askimet: Não é novo, mas é bom. O trabalho dele é bloquear o spam nosso de cada dia com muita eficiência. Não é 100%, mas pode chegar a 99%. Não deve faltar.

3-Backtype Tweetcount: Basicamente, ele insere um selo com duas funções. A primeira consiste em mostrar para o mundo quantas vezes o seu post foi citado no Twitter. A segunda é permitir que os leitores divulguem seu texto na rede.

4-Related Posts: Links internos significam usuários por mais tempo no seu blog. Sem contar com as referências internas para o seu próprio conteúdo. Basta incluir uma linha na página de modelo do post.

5-Top Commentators Widget: Widgets com os últimos comentários e as mais comentadas são importantes. Mas nada como uma ferramenta de comunidade e participação que mostra as pessoas que mais ajudaram no seu site.

6-SEO Smart Links: O funcionamento é próximo ao do Related Posts, a diferença é que ele identifica as tags no meio do texto e as converte em links. Prático.

7-WP-DBManager: Talvez uma das ferramentas mais importantes que você vai instalar no seu blog: um backup do banco de dados. Quem não precisa disso hoje? A melhor parte é que você pode receber o backup diretamente no seu e-mail, se quiser.

8-Twitter Widget: Esse é o widget oficial para incluir updates do Twitter no seu site. Basta customizar, encontrar um lugar legal na lateral do site e colar em um widget em branco do Wordpress.

9-WPTouch iPhone Theme (e similares): No hype dos smartphones e dispositivos móveis que acessam a rede, talvez seja melhor pensar em soluções práticas para colocar seu blog em qualquer ambiente. Este plug-in transforma seu site deixando-o acessível para o público que não para na frente do desktop.

10-Google XML Sitemaps: Nada melhor do que um plug-in que gera um mapa do seu site prontinho para o Google usar! Ele até avisa os sites de busca quando acontecer alguma atualização.




Fonte: http://info.abril.com.br/

Google é de novo marca mais valiosa do mundo


Pelo quarto ano consecutivo, Google é primeiro lugar no ranking BrandZ das 100 Marcas Mais Valiosas do Mundo

SÃO PAULO – Pelo quarto ano consecutivo, em cinco edições até aqui, o Google é primeiro lugar no ranking BrandZ das 100 Marcas Mais Valiosas do Mundo, divulgado hoje pela Millward Brown.

Com um valor de US$ 114,2 bilhões, Google segue no topo da avaliação, seguido por IBM, que saltou da quarta para a segunda posição, com US$ 86,3 bilhões. A Apple foi classificada como a terceira marca mais valiosa, com US$ 83,1 bilhões.
A avaliação leva em consideração a opinião dos consumidores com relação às marcas e demonstra os seus resultados associando com o valor financeiro.

Neste ano, duas marcas brasileiras estão presentes no ranking: a Petrobras, em 73º lugar e o Bradesco, em 98º. Pela primeira vez uma marca indiana, a ICICI, entra no ranking, avaliada como a 45ª colocada. Há, ainda, marcas da China e da Rússia no estudo.

“No passado, muitas empresas numa situação de economia instável, tomavam a decisão mais rápida e imediata de cortar seu investimento em marketing”, diz Valkiria Garré, diretora executiva da Millward Brown Brasil.

“Uma nova tendência surge na onda da recessão, pois muitas empresas se conscientizaram da importância de manter ou até de aumentar os seus investimentos para apoiar a construção da lealdade e conexão dos consumidores com as marcas”, completa.

TI é destaque

A pesquisa aponta a área de Tecnologia como a que vive melhor momento. Além das três primeiras (Google, IBM e Apple), a quarta colocada também é uma marca desse segmento. De acordo com o levantamento, a Microsoft vale US$ 76 bilhões.

Entre as mídias sociais, destaque para o gigante Facebook. O mais popular site de relacionamento social entrou para o ranking do setor de tecnologia pela primeira vez, com um valor de US$ 5,5 bilhões.

A pesquisa apurou que neste ano o uso de mídia social foi uma tendência adotada com sucesso pelas marcas. Um exemplo é o HSBC, que criou uma comunidade virtual para comunicação entre os expatriados para gerar relacionamento em todo o mundo.

Pela primeira vez, desde que o ranking foi criado, entraram marcas de todos os países membros do Bric (Brasil, Rússia, China e Índia), reforçando a importância dos mercados emergentes.

Outra novidade é a presença de uma marca mexicana, a Telcel.

O estudo também aponta que marcas fortes, como Samsung e Starbucks, obtiveram crescimento de 80% e 17%, respectivamente. “O ranking mostrou a grande importância de construir marcas fortes nas empresas de maior sucesso no mundo”, comenta Eileen Campbell, CEO Global da Millward Brown.

O ranking completo, com detalhes por região e categorias, pode ser acessado no site da Brandz.




Fonte: http://info.abril.com.br/

ICQ é comprado por US$187,5 milhões


SÃO PAULO – O serviço de mensagens instantâneas ICQ foi comprado por uma empresa russa pelo valor de US$187,5 milhões.


O ICQ foi criado em 1996 pela empresa israelense Mirabilis, mas a AOL adquiriu os direitos do programa em junho de 1998.
Popular no Brasil no final da década de 90 e início dos anos 2000, ele perdeu a força com a popularização do MSN Messenger, que já vinha instalado na maioria dos computadores.

Disponível em 16 línguas, o ICQ tem mais de 32 milhões de unique visitors por mês, de acordo com a Comscore. Cerca de 80% dos seus usuários têm entre 13 e 29 anos e ele é sucesso em países como a Rússia, a Alemanha, a República Tcheca e Israel.

A Digital Sky Technologies Limited (DST), companhia que comprou o ICQ, é a maior empresa de internet dos países de língua russa e leste europeu. A DST e DST Global possuem ações também do Facebook, Zynga e GroupOn.




Fonte: http://info.abril.com.br/

Facebook cresce 804% no Brasil mas Orkut continua líder

O Serasa Experian Hitwise divulgou uma pesquisa sobre o aumento dos números de acesso dos internautas a sites de rede social, como o Facebook, o Twitter e o Orkut. Embora as duas primeiras tenham alta significativa (Facebook com 804% e Twitter com 768%), o site Orkut continua com uma média de 62,14% dos acessos, num parâmetro feito entre cem mil pessoas entrevistadas a respeito.

Seguido do Orkut, vem o YouTube, com média de apenas 17,23% dos acessos. Com distância, apesar do aumento de visitas, seguem o Facebook com 2,35% e por último o Twitter, com 1,91%. A média de tempo que os internautas gastam em sites de tipo rede social é de, aproximadamente, vinte e dois minutos.

"O levantamento aponta que o Twitter manteve-se à frente do Facebook durante maior parte de 2009, mas o Facebook ultrapassou o Twitter na segunda semana de dezembro e segue à frente", aponta a pesquisa.

O Orkut, se comparado a todos os sites da web aqui no Brasil, somente perde posto para o Google, um site de busca, o qual é o servidor do Orkut. Em seguida estão os portais, serviço de e-mail e games.

quinta-feira, abril 29, 2010

GPS com TV digital tem telona de 7”


Navegador Tele System TS7100 guia com precisão e vira central multimídia

O GPS Tele System TS7100 aproveita muito bem seu enorme LCD de 7 polegadas. Quando não está navegando, o aparelho vira uma central multimídia para exibir programas de TV digital, reproduzir músicas, vídeos e fotos, fazer o papel de viva-voz para o celular e transmitir o som para o rádio do carro. Como navegador, possui boa orientação, é veloz nos cálculos de rota e os mapas trazem boa visualização. O preço que se paga por toda essa mordomia? “Apenas” 1.999 reais.

Vamos às características do navegador como GPS. Os mapas dele são fornecidos pela Tele Atlas e permitem navegação completa por mais de 300 cidades brasileiras. Em outros 900 municípios, a cobertura é apenas básica – serve para consulta, mas não indica com precisão os sentidos das vias, por exemplo. As outras 4.360 cidades são apenas identificadas no mapa. O navegador conta com 13 mil pontos de interesse, que não informam nada além de nome e endereço dos estabelecimentos.

Nos testes realizados pelo INFOLAB nas ruas de São Paulo, o modelo se mostrou preciso nas orientações e emitiu comandos de voz claros e detalhados. Por exemplo: se as duas manobras seguintes estavam a menos de 150 metros, as instruções foram dadas consecutivamente. O aparelho também diferenciou uma simples curva de uma virada brusca de 90 graus e identificou os lados das avenidas e rotatórias. Quando estávamos acima da velocidade permitida, o GPS nos alertou corretamente.

Sinal de qualidade

O Tele System TS7100 teve boa recepção dos satélites durante todo o percurso. Quando entramos num túnel, ele avisou a queda do sinal, mas simulou a trajetória do veículo até se encontrar novamente. O GPS também mostrou agilidade ao recalcular o caminho. Quando erramos o trajeto de propósito, ele demorou apenas 3 segundos para sugerir uma nova rota.

Os mapas exibem algumas construções em 3D, o que facilita a navegação quando você está próximo de pontos turísticos. A tela grande também ajuda a mostrar os nomes das ruas adjacentes. Quando é preciso rolar as imagens na tela, a sensibilidade do touchscreen não deixa a desejar. Embora uma caneta stylus venha junto, nem é preciso utilizá-la. Os menus são simples e recheados por ícones grandes.

Trânsito pesado? Ligue a TV

Quando o trânsito trava, o Tele System TS7100 não perde sua utilidade. Isso porque ele funciona muito bem como media center dentro do carro. Para ver a novela ou o futebol, basta ligar o sinal de TV 1Seg, que pegou bem na região central de São Paulo, durante nossos testes. Em tela cheia, infelizmente, a imagem perdeu bastante qualidade.

O GPS tem memória interna de 512 MB, mas aceita cartões SD de até 2 GB. O navegador é compatível com os formatos WMV, MPEG-4 e XviD (vídeo), WMA, MP3 e OGG (áudio) e JPEG, BMP, GIF e PNG (fotos). Pena que, nos vídeos, o navegador não tenha conseguido carregar as legendas.



Fonte: http://info.abril.com.br/

Exército dos EUA encomenda robôs humanóides


Modelo computadorizado mostra como robô será testado


SÃO PAULO – O Exército dos Estados Unidos terá mais uma arma para combater seus inimigos – mas, desta vez, o dispositivo não será usado em campos de batalha.

Um robô bípede com forma e tamanho de um humano está sendo criado para testar roupas à prova de agentes químicos.
Chamado de PETMAN (sigla para o nome Protection Ensemble Test Mannequin), ele terá equilíbrio para caminhar, rastejar, fazer alongamentos e se movimentar como uma pessoa, mas com uma vantagem: pode ser exposto elementos potencialmente nocivos ao corpo.

O exército deve usar o robô para testar respostas fisiológicas à roupa, como suor, temperatura, controle de umidade ou até mesmo a respiração. A ideia é simular da forma mais real o possível a reação de um soldado usando uma roupa protetora.

Criado pela Boston Dynamics, uma empresa que surgiu como spin off do MIT em 1992, o PETMAN deve ficar pronto após 13 meses de desenvolvimento e outros 17 de construção, instalação e validação.

Atualmente, ele se parece mais com uma caixa com pernas, mas já consegue andar a 7 km/h. O robô tem sistema de estímulos hidráulicos e membros articuladas com elementos que absorvem impacto. Veja no vídeo abaixo como ele consegue se manter caminhando em uma esteira mesmo após ser empurrado.

O produto final deve ser entregue em 2011 ao exército dos Estados Unidos.




Fonte: http://info.abril.com.br/

RIM lança novo BlackBerry Pearl 3G


A Research in Motion - RIM - lançou em meio a feira WES o novo BlackBerry Pearl, smartphone com conexões 3G e Wi-Fi. O aparelho é marcado por ser o primeiro da companhia a utilizar o padrão Wi-Fi n - os formatos utilizados anteriormente eram o b e g.

Além disso, o Pearl 3G oferece ao usuário câmera de 3.2 megapixels, tela com resolução de 360x400 pixels, GPS e slot para microSD de até 32 GB. O aparelho também terá a opção de dois estilos de teclado, um deles com 14 teclas e o outro com 20 teclas.

O mercado norte-americano receberá o novo BlackBerry Pearl 3G no próximo mês. A companhia, no entanto, ainda não anunciou quando o aparelho chegará às lojas brasileiras.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

Plataforma de celular pode ser unificada




Um projeto recente que reúne Sharp, Panasonic, Fujitsu e NEC pretende desenvolver uma plataforma padrão para os aparelhos de celular.
A previsão é de que o software esteja disponível aos aparelhos em dois anos e, inicialmente, funcionará com a tecnologia da empresa de telefonia móvel NTT DoCoMo.
As fabricantes esperam reduzir em até 50% os custos de desenvolvimento de novos aparelhos. O foco é que as fabricantes deixem de desenvolver funções básicas dos aparelhos para investir em criações específicas.
A nova plataforma será compatível com Symbian e Linux. Sistemas operacionais abertos, como é o caso do Android, ainda estão sendo estudados.




Sabe quantos clicks e quantos km seu mouse já rodou?


Descubra estes e outros dados curiosos a respeito do seu computador


Uma das coisas mais irritantes é quando você deixa o computador realizando alguma tarefa demorada e, ao voltar, percebe que o sistema entrou em standby, ou o protetor de tela resolveu atuar por conta própria. Bom... é possível desabilitar tudo isso manualmente, um a um. Mas existe um aplicativo que facilita o processo e evita desligamentos voluntários. O software é super leve e o funcionamento dele é bem simples. Aqui em cima, você marca tudo o que quer bloquear: StandBy, Hibernação, desligamento ou screen saver.
Mas além disso, o Don´t Sleep tem uma outra função interessante. Caso você saiba o tempo que a tarefa vai demorar para ser executada e não deseja gastar energia à toa, é possível programar o desligamento. Basta definir, aqui no timer, a data e hora exatas para isso.

Agora... você já pensou quantos quilômetros a bolinha do mouse se arrastou na mesa, ou quantos cliques você já deu no aparelho? Ta certo que essa informação não vai mudar muito o rumo da sua vida, mas este programinha aqui faz a contagem de tudo o que o seu mouse e o seu teclado enviam para a CPU. Cada toque, cada clique e cada arrasto é contabilizado, e a soma é mostrada neste quadradinho.

Existe a opção de fazer com que o programa seja executado automaticamente no momento em que o Windows é carregado. Assim, você não deixa de capturar nenhum movimento. Cada dia é salvo em um histórico, e aí é possível fazer estatísticas e até avaliar que períodos você mais usou a máquina!

Ficou curioso para ver os seus números? Acesse os links acima e baixe os 2 softwares mostrados aqui, gratuitamente. Boa diversão!




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

quarta-feira, abril 28, 2010

Nokia apresenta o novo smartphone N8


A Nokia revelou ontem , 27, o seu novo smartphone, o N8. O modelo, que contará com o software Symbian 3, tem câmera de 12 megapixels, capaz de capturar vídeos em alta resolução, tela touch screen de 3,5 polegadas com tecnologia OLED e resolução de 640 x 360 pixels. Traz 16 GB de armazenamento interno, com capacidade de expansão por cartões microSD, e, por conta da câmera, tem uma saída de vídeo padrão HDMI para conectar o aparelho ao televisor.

Na conectividade sem fios, o N8 conta com 3G, Bluetooth 2.1 e Wi-Fi, e vem com GPS e mapas com navegação gratuita. Seu processador é um ARM de 680 MHz.

O N8 é o primeiro smartphone com o Symbian 3, nova versão do sistema operacional de código aberto usado pela fabricante.

Suas vendas na Europa estão previstas para começarem no inicio do terceiro trimestre e o modelo deverá custar pouco mais que R$ 830. Já por essas bandas, ainda não há previsão para o lançamento do brinquedinho no mercado.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

Contra ladrões: como agir caso tenha o celular roubado



Confira como fazer para bloquear a linha e também o aparelho


Recentemente, o consultor de treinamentos Leandro Sarubbi teve dois celulares roubados. E, claro, a primeira reação dele foi ligar para o Call Center da operadora e pedir o bloqueio da linha e também o bloqueio do telefone. Sim, estas duas coisas são diferentes. Todo aparelho GSM tem um código, chamado IMEI, que é único para cada produto. Ao informar este código para a atendente, a operadora pode bloquear e inutilizar o aparelho para sempre, evitando que os ladrões utilizem ou revendam o produto furtado. Ele não poderá ser utilizado mesmo com outro chip e nem em outra operadora. "Em nenhum momento, a operadora mencionou que este bloqueio poderia ser feito quando liguei para bloquear a linha. Eu que perguntei", reclama Leandro.

Para realizar o bloqueio do aparelho, é necessário fazer um boletim de ocorrência. No caso de furto, é possível fazer o boletim online, mesmo. Aí, é preciso enviar uma cópia por fax para a operadora, junto com o número IMEI do aparelho. Ele pode ser encontrado na caixa e também na nota fiscal do produto. Caso você não tenha nenhum dos 2, faça o seguinte: digite agora *#06# em seu celular e anote o número IMEI em algum lugar seguro para poder resgatá-lo depois. Leandro sugere: "Eu acho que o IMEI poderia ser vinculado à sua linha telefônica e no momento que você cancelasse, automaticamente já bloquearia o celular pelo IMEI também. É uma forma de dificultar o trabalho dos ladrões".

Um acordo entre o Ministério da Justiça, a Anatel e as operadoras de celular pode facilitar este processo. A idéia é unificar o cadastro de números IMEI e transformar este processo em algo mais fácil para o usuário. Será que os roubos de aparelhos celulares estão com os dias contados?




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

Assista a MTV ao vivo do seu iPhone


Lançado no dia 22/4, o "MTV Ao Vivo", é um aplicativo para iPhone que permite aos usuários terem acesso a programação da emissora em tempo real.

Além do streaming direto, o aplicativo apresenta também notícias do mundo da música e um cronograma da programação semanal. Ele funciona tanto em Wi-Fi quanto na rede 3G. Porém, como os vídeos consomem muita conexão, a transmissão por 3G ainda é bem precária.

A MTV é o primeiro canal brasileiro a transmitir sua programação ao vivo pelo smartphone e a emissora tem planos de lançar versões para outras plataformas de celulares.

O aplicativo está disponível exclusiva e gratuitamente na App Store e é compatível com iPhone, iPod touch e iPad, OS 3.0.





Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

35% dos usuários do Facebook clicam em links falsos


Empresa de segurança Check Point afirma que cerca de 35% dos usuários do Facebook estão vulneráveis a ataques de phishing feitos por meio de links falsos enviados no site.

Para chegar a esse resultado, a empresa criou um perfil falso na rede social e distribuiu aleatoriamente um e-mail privado com a frase “venha ver minhas fotos mais recentes” e um link para um URL. Foram enviadas mensagens para 200 usuários, rastreando o número de pessoas que abriu o e-mail e clicou no link.

A pesquisa também revela que muitos internautas não demonstram cuidado com seus perfis e exibem informações pessoais, como endereço particular e contas de e-mail, que podem ser usados por criminosos virtuais.

Para o diretor de produtos de segurança da Check Point, Guy Guzner, muitos usuários acreditam que estão utilizando um espaço seguro e íntimo, no entanto, esquecem que nem todos os presentes na rede social são confiáveis. “As pessoas devem reconhecer que os sites sociais não oferecem mais segurança do que qualquer outro lugar na Internet”, ressalta Guzner.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

Google compra desenvolvedora de aplicativos


O Google acaba de anunciar mais uma aquisição. De acordo com a agência Reuters, a empresa informou a compra da desenvolvedora de games e aplicativos LabPixies, de Israel. A companhia já prestava serviços ao Google no portal personalizável iGoogle.

Além dos games e aplicações para computadores, a LabPixies também produz conteúdo para iPhone, Android e outros sistemas operacionais compatíveis com serviços como MySpace e Yahoo!. A compra demonstra mais uma tentativa do Google em se inserir em plataformas móveis e redes sociais.

Os valores da negociação não foram revelados pelo Google, no entanto, o jornal israelense The Marker informa que a empresa pagou cerca de US$25 milhões pela LabPixies.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

terça-feira, abril 27, 2010

ETs podem ser perigosos, diz Stephen Hawking


Um dos mais famosos e importantes cientistas do mundo, Hawking diz que aliens podem ser perigosos

LONDRES – O astrofísico Stephen Hawking diz que aliens existem em algum lugar, mas que podem ser muito perigosos para que humanos interajam com formas de vida extraterrestre.

Hawking alega em um novo documentário que formas de vida inteligente existem quase com certeza, mas alerta que se comunicar com elas pode ser “muito arriscado”.
O cientista de 68 anos disse que uma visita de extraterrestres à Terra seria como a chegada de Colombo à América, "o que não terminou muito bem para os nativos americanos”.

Ele especula que a maior parte da vida extraterrestre seria similar aos micróbios, ou pequenos animais – mas diz que formas de vida avançadas poderiam ser “nômades, buscando locais para colonizar e conquistar”.

O Discovery Channel exibirá o documentário "Stephen Hawking's Universe" (O Universo de Stephen Hawking) em maio.




Fonte: http://info.abril.com.br/

Debate sobre marco civil da web será amanhã


Projeto do marco regulatório visa estabelecer direitos e responsabilidades de usuários, provedores e do setor público

BRASÍLIA - A proposta do marco regulatório civil da internet, elaborada pelo Ministério da Justiça, será debatida amanhã na Câmara dos Deputados pela Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática.

O projeto visa estabelecer direitos e responsabilidades de usuários, provedores e do setor público.
Foram convidados a participar do debate o secretário substituto de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça, Felipe de Paula; Ronaldo Sardenberg, presidente da Anatel; o secretário de Política de Informática do Ministério da Ciência e Tecnologia, Augusto Cesar Gadelha Vieira; Hartmut Richard Glaser, secretário-executivo do Comitê Gestor da Internet no Brasil; além de Sérgio Amadeu da Silveira, professor da Universidade Federal do ABC (UFABC).

Também participam da audiência o desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG), Fernando Botelho; Gilda Pereira de Carvalho, procuradora federal dos Direitos do Cidadão da Procuradoria-Geral da República; o diretor do Instituto Nupef (Núcleo de Pesquisas, Estudos e Formação), Carlos Alberto Afonso; Ronaldo Lemos, professor da Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FGV); bem como diretor de Políticas Públicas e Relações Governamentais do Google Brasil, Ivo da Motta Azevedo Corrêa.

Proposta da deputada Luiza Erundina (PSB-SP), a audiência pretende discutir os aspectos relativos à privacidade eletrônica, direitos humanos, responsabilidade dos provedores de acesso à internet, além de diretrizes de políticas públicas para universalização do acesso.

O anteprojeto começou a ser discutido pelo Executivo em outubro de 2009 e desde o último dia 8 está aberto para consulta pública no Fórum da Cultura Digital. Ele deverá ser enviado à Câmara até junho.




Fonte: http://info.abril.com.br/

Novo MacBook Pro esquenta o bastante para ferver água


Difícil achar quem reclame do design de um MacBook: o bloco único de alumínio sem parafusos faz as outras fabricantes darem de tudo para fazer algo tão bonito. O site PC Authority, porém, conseguiu achar um defeito bastante significativo neles. Em testes com o novo MacBook de 17 polegadas e o Core i7-620M, a CPU atingiu uma temperatura de 101 graus Celsius, um pouco mais que o necessário para ferver água.
O site comparou a temperatura do MacBook a um laptop da Fujitsu com o mesmo processador, melhor refrigeração e que não usa chapa de alumínio. Enquanto em testes pesados a CPU do esquentadinho MacBook chegou a 101 graus Celsius, o Fujitsu beirou os 81°C, sendo que a carcaça do computador continuou razoavelmente fria ao toque.
A descoberta da PC Authority ocorreu enquanto faziam testes com o Photoshop, que começou a rodar lentamente. Quando eles viraram o notebook de lado, os testes passaram a dar certo, e assim ficou evidente que os problemas eram de aquecimento.
Depois, mais testes que abusam da CPU e da GPU fizeram a temperatura dos núcleos chegar a 84°C, 90°C e 95°C e o calor da carcaça do computador era dificilmente suportável ao toque. Desconfiados do resultado, eles deixaram mais testes para o dia seguinte, quando os Cinebenchs (testes para tirar o máximo da CPU) levaram o CPU diodo aos 101°C.
É claro que os testes rodados exigem o máximo potencial do MacBook, mas convenhamos: quem compra um modelo desses para pegar leve com as aplicações? O PC Authority ainda justificou as críticas dizendo que testes menos pesados, “do mundo real”, produziram 90°C.







Fonte: http://info.abril.com.br/

Guarde o histórico das conversas


Se você armazena o histórico dos bate-papos, use uma conta no Dropbox para mantê-lo seguro na web
Billy AlexanderPara quem usa mais de um micro e quer manter o histórico do Messenger sempre atualizado, a solução é o serviço de sincronia Dropbox. Após instalá-lo, crie uma pasta para os arquivos de log do Windows Live Messenger dentro do diretório My Dropbox. Depois faça o login no mensageiro e acesse o botão de menu, escolhendo Ferramentas > Opções. Clique em Mensagens e no botão Alterar, na seção Salvar Minhas Conversas na Pasta. Escolha a pasta criada anteriormente e clique em OK.






Apple demite funcionário que mostrou iPad 3G

SÃO PAULO – A Apple demitiu um funcionário que apresentou o iPad 3G a Steve Wozniak, um dos fundadores da Apple, antes de sua data oficial de lançamento.

Em entrevista ao blog Gizmodo, o engenheiro disse que foi apresentado ao tablet minutos antes do início das vendas da primeira versão, no dia 3 de abril, que vem apenas com conexão Wi-Fi.
“Não fui informado de que aquele era o 3G. Se soubesse, teria salvado o emprego do rapaz avisando que ele não poderia demonstrar o produto”, informou Wozniak ao site.

Ele também disse que avisou Steve Jobs sobre a abordagem. Na ocasião, o presidente da Apple teria afirmado que “aquilo não tinha muita importância”. O iPad 3G será comercializado a partir do dia 30 de abril nos Estados Unidos.

O fato entra em conflito com o caso do protótipo do iPhone 4G, supostamente encontrado em uma mesa de bar. Gray Powell, que esqueceu o aparelho, conseguiu manter seu emprego.

segunda-feira, abril 26, 2010

Celular detecta movimento do dedo sem precisar tocar a tela


Uma fabricante de semicondutores nos Estados Unidos disse que vai permitir, em breve, que telefones com telas sensíveis ao toque detectem o movimento dos dedos do usuário sobre a superfície, sem necessariamente encostar na tela, como se fosse o cursor em movimento de um mouse no computador. O recurso, chamado TrueTouch, deve ser lançado até a metade do ano pela Cypress Semiconductor.

Na definição oficial da Cypress, "o TrueTouch habilita soluções inteligentes para touchscreen que antecipam o toque do dedo e ampliam o conteúdo em determinados locais, como um ponto no mapa ou links em uma página da web, para torná-los masi fáceis de achar e selecionar".

Fabricantes de celulares, como LG, Samsung e Palm usam produtos da Cypress em seus aparelhos.

A Cypress colocou em seu site uma demonstração em vídeo da tecnologia. Nele, uma tela de celular reconhece o dedo do usuário, que navega com zoom entre diversos itens. O vídeo está disponível em www.cypress.com/go/hovervideo.




Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/

Site brasileiro vai leiloar iPad com lances de R$ 0,01


O portal de leilão virtual Olho no Click traz ao Brasil o iPad, tablet que é o mais recente sucesso da Apple e vendeu, na primeira semana após o lançamento, mais de 500 mil unidades nos Estados Unidos. O site promoverá o leilão de um iPad Wi-Fi de 16 GB, com início dos lances às 21h do dia 29 de abril.
A expectativa da empresa é que o leilão dure 24 horas e receba mais de 30 mil internautas interessados no iPad. O Olho no Click é responsável, atualmente, por mais de três mil produtos leiloados na internet com 300 mil usuários cadastrados.

Como vai funcionar
O internauta interessado em participar do leilão deve se cadastrar no site e adquirir um dos pacotes de lances diponíveis a partir de R$ 30. E deve, também, cuidar o tempo.

Cada participante poderá dar quantos lances quiser no valor de R$ 0,01 - mas não podem ser lances consecutivos, no tempo de 15 segundos. A cada lance dado, é somado o valor de R$ 0,01 no tablet e o cronômetro é reiniciado para voltar a receber ofertas.

Quando o cronômetro chegar em "zero", a pessoa a ter oferecido o último lance leva o produto pelo valor do arremate mais o frete.

De acordo com a empresa, a expectativa é que o tablet da Apple seja leiloado por R$ 150 - nos Estados Unidos, o iPad tem preço a partir de US$ 500 (equivalente a cerca de R$ 800).

"Com o leilão, além de não ter que enfrentar filas nem pagar um valor altíssimo para importar o produto, o internauta pode adquiri-lo a um clique de distância e, ainda, com um investimento bem inferior ao seu custo", diz Guilherme Pizzini, sócio-diretor do Olho no Click.




Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/

HP revela especificações de seu "smartbook" com Android

A HP divulgou em seu site as especificações de seu primeiro smartbook equipado com o sistema operacional Android, da Google.
Batizado de "Compaq AirLife 100¿, o portátil será equipado com um processador Snapdragon (arquitetura ARM) de 1 GHz, 512 MB de RAM, 512 MB de flash para o sistema operacional, SSD de 16 GB para arquivos do usuário, modem 3G, Wi-Fi e uma tela de 10.1 polegadas e resolução de 1024 × 600 pixels, a mesma usada na maioria dos netbooks atualmente no mercado.

A tela é resistiva, o que praticamente elimina a possibilidade de uso da tecnologia multitoque. O pacote de software incluirá o sistema operacional Android (a versão não foi especificada) com uma interface especial batizada de "Compaq touch experience". Também haverá software para trabalhar com arquivos do Microsoft Office (QuickOffice), para sincronia de e-mail, calendários e livro de endereços e para navegação (GPS).

O Compaq Airlife 100 ainda não tem preço nem data de lançamento definidos, mas o surgimento de uma página no site da HP indica que não deve faltar muito para ele chegar às lojas (ao menos nos EUA). Especula-se que a empresa planeja comercializá-lo através de operadoras de telefonia, com preços subsidiados.




Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/

Israel autoriza importação dos iPad

O ministério israelense das Comunicações autorizou neste domingo a importação dos iPad, retificando uma decisão anterior motivada por um problema de adaptação do sinal Wi-Fi da internet sem cabo do tablet da Apple.
O ministério anunciou ainda que os tablets que haviam sido apreendidos no aeroporto internacional Ben Gurión de Tel Aviv serão devolvidos aos seus donos.
O iPad da Apple está disponível desde 3 de abril nos Estados Unidos, país que autoriza um sinal muito mais forte do que na Europa, cuja legislação também é aplicada em Israel.





Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/

Marco Civil da web impõe desafio: como regular sem censurar?

Contas de e-mails roubadas, perfis falsos em sites de relacionamento, difamações feitas por usuários anônimos, muitos são os motivos que levam a sociedade a refletir sobre a necessidade de se regulamentar a internet. Mas a grande polêmica é como aprovar um texto que não limite a liberdade de expressão ou censure ideias e debates.
Vocalista da banda Detonautas, Tico Santa Cruz conta que há um ano alguém criou uma conta de Twitter em seu nome e se fez passar por ele no universo virtual. "A pessoa xingava outros artistas e defendia ideias que não eram minhas", relata o músico. "Eu fiz de tudo para provar que não era eu, procurei pelo impostor e divulguei a foto dele na internet, depois não tive mais problemas".
No entanto, Tico acredita que a grande rede é um espaço para a arte e para diversas manifestações de pensamento. Para criar uma lei, seria preciso pensar em uma forma de não atrapalhar a natureza do veículo. "Regulamentar a internet é perigoso. Não sou a favor de uma rigorosa vigília sobre o que se fala", diz.
A Secretaria de Assuntos Legislativos (SAL) do Ministério da Justiça em conjunto com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), colocou na rede, para debate, uma versão preliminar do anteprojeto do Marco Civil da Internet no Brasil. De acordo com o chefe de gabinete da SAL, Guilherme Almeida, um conjunto de regras foram propostas para garantir direitos, determinar responsabilidades e orientar a atuação do Estado neste contexto.
Almeida explica que os pontos mais polêmicos são os que falam sobre a responsabilidade por conteúdo de terceiros e a atribuição de registros para a navegação na internet, como um número de identificação. O projeto pretende incentivar que os sites tenham uma parte dedicada à notificação de reclamações.
"Se alguém se sente ofendido por um conteúdo publicado no Facebook, por exemplo, deverá reclamar antes pelo site. Somente depois poderia procurar a Justiça", destaca Almeida. Hoje o internauta que não concorda com algum conteúdo publicado já pode processar o site onde está o comentário diretamente.
Em contrapartida, o advogado Lucas Antoniazzi, do escritório Di Blasi, Parente, Vaz e Dias Advogados, especializado em propriedade intelectual, ressalta que, desta forma, os sites de relacionamento vão receber uma enxurrada de notificações e retirar conteúdos publicados diariamente. Segundo ele, não há uma especificação do que poderá ser removido ou não.
"Os sites, com medo de processo, vão excluir tudo que o que pedirem. Isto é censura", afirma Antoniazzi. "E quando vamos saber se a exclusão é justa ou não, se o usuário só estava manifestando uma opinião e outro a interpretou de forma maldosa ou preconceituosa?"
A proposta de Marco Civil da internet ficará no site culturadigital.br/marcocivil até o dia 22 de maio. Os internautas podem questionar e fazer sugestões. Depois disso, o texto será enviado para o Congresso como projeto de lei, onde será votado.
O diretor do Centro de Tecnologia e Sociedade da FGV, Ronaldo Lemos, que participa da elaboração do projeto, lembra que este texto preliminar é resultado da análise dos mais de 800 comentários recebidos na primeira fase, de 29 de outubro a 17 de dezembro de 2009, com uma média de 1,5 mil visitas diárias.
"Estamos incentivando a participação do público. Defendemos a internet como um local para debate", alegou Lemos.
A advogada e professora da UFRJ, da FGV e do Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (Ibmec), Deana Weikersheimer, é contra qualquer regra que venha a ser instituída para a internet. Para ela, o espaço é um meio de comunicação que nasceu livre e não deve ser passível de regras e determinações.
"A internet é apenas um canal, e as questões legais que acontecem já estão previstas na lei própria", defende a advogada, acrescentando que qualquer infração, seja comercial, civil ou penal, deve ir para a Justiça.
A atribuição de registros para a navegação também divide opiniões. Está em discussão se deverá haver um número de registro a cada momento em que o usuário se conecta ou um único registro que será determinado pelo provedor. Além do responsável por guardar este número e rastreá-lo, se necessário.

domingo, abril 25, 2010

Motorola Backflip, um Android exótico


Smartphone com jeitão de contorcionista integra redes sociais numa só tela

Manobra de skate? Mais um salto maluco da Daiane dos Santos? Nada disso, Backflip é o novo smartphone da Motorola com Android, feito para quem curte um visual, digamos, diferente. Seu mecanismo é semelhante ao usado nos celulares flip, mas ao contrário – o teclado e a tela touchscreen ficam expostos até quando ele está fechado. Juntando isso e a interface MOTOBLUR, que integra as redes sociais numa só tela, temos um celular na medida para os tuiteiros dispostos a gastar 499 reais, no plano de 200 minutos da Vivo, com 500 MB de dados. Desbloqueado, ele custa 1.699 reais.

Fechado, o modelo parece irmão mais novo do DEXT. Porém, em vez do convencional formato slider, o celular é aberto como se fosse um livro. E o mais estranho é que o teclado fica na parte de trás. Como se o nível de bizarrice já não estivesse elevado, a Motorola ainda inventou de colocar o trackpad na traseira da tela. Motivo? Assim você não precisa passar o dedo na frente do conteúdo que deseja visualizar, ao pilotar os menus pela tela. O recurso é útil na hora de ver a galeria de fotos, por exemplo.

Gostar ou não do visual é uma questão subjetiva, mas o fato é que esse formato abre algumas possibilidades interessantes de uso. Quando você forma com o smartphone um ângulo de 90 graus, ele funciona como um rádio-relógio, exibindo horário, temperatura local e configurações do despertador. Outra coisa legal é que a posição da câmera de 5 megapixels (no canto esquerdo inferior do teclado) ajuda na hora de tirar auto-retratos, quando o aparelho está totalmente aberto.
Divertido, mas lento


A tela capacitiva de 3,1 polegadas, com resolução de 320 por 480 pixels, tem ótima sensibilidade, mas é prejudicada pela lentidão do sistema. Às vezes o Motorola Backflip demora para responder aos comandos com o dedo, principalmente na abertura de aplicativos. Além disso, uma pequena área na parte superior do display não responde ao toque, como se percebe ao utilizar programas de desenho. Quanto ao teclado, não há reclamações. Seus botões são grandes e facilitam até mesmo a digitação de símbolos e acentos, o que geralmente é um martírio de fazer no celular.

O aparelho tem o pacote completo de conexões: Wi-Fi, 3G e GPS. Todas as redes funcionaram sem problemas nos testes do INFOLAB – conectaram com facilidade e mantiveram o sinal estável. O navegador trabalha com o Google Maps, que possui uma bússola para ajudar na orientação, ou então com o Motonav, que dá indicação de rota a cada curva, mas tem licença para teste de 60 dias. Uma limitação do Backflip, comum a quase todos os aparelhos com Android, é a impossibilidade de instalar programas no cartão de 8 GB. Eles podem ser colocados apenas na memória interna de 512 MB. O Android está na versão 1.5, mas a Motorola promete sua atualização.

Quando se fala em diversão, o Backflip não possui nenhum recurso inovador vindo de fábrica. Mas sua câmera de 5 megapixels, com flash de LED e foco automático, tira fotos de boa qualidade. O player de música também é o padrão do Android, mas o recurso MotoID consegue identificar as canções que estão tocando no ambiente. Em nossos testes de autonomia, a bateria aguentou 354 minutos durante chamadas de voz. Não é um resultado ruim, mas está longe da performance fenomenal do DEXT, que ficou 610 minutos longe da tomada.




Fonte: http://info.abril.com.br/

LG Watch Phone, o relógio do Dick Tracy


No melhor estilo detetive, o modelo coloca no seu pulso um belo celular 3G


Com pose de celular do futuro, o LG Watch Phone faz a alegria de quem sempre quis se sentir meio Dick Tracy, o detetive dos quadrinhos e do cinema. Esse modelo touchscreen de pulso tem todas as funções básicas de um telefone, como agenda de contatos, calendário, envio de torpedos e até player de música. E ainda serve para quem quer aprontar uma graça com videochamadas, pois tem conexão 3G. Mas nem a construção impecável e o estilo elegante fazem justiça ao preço exorbitante: 2.999 reais.O grande mérito da LG foi conseguir transformar uma espécie de sonho geek numa coisa realmente útil no dia-a-dia de qualquer pessoa (endinheirada). A tela sensível ao toque de 1,4 polegada responde bem aos comandos com o dedo. No começo, os ícones com números e o teclado alfanumérico parecem muito pequenos, mas em poucos minutos você já se acostuma a digitar com velocidade e sem errar. Também não há nenhuma dificuldade em pilotar os menus, deslizando os dedos na horizontal e na vertical.Existem cinco áreas de trabalho: relógio, perfis de usuário, chamadas de voz e vídeo, menu principal e uma última que se divide entre tocador musical, notas e calendário. A LG mandou bem na hora de adaptar essas ferramentas de organização a uma tela tão pequena. No fim das contas, a experiência é parecida com a que você tem num celular básico, com a vantagem da economia de espaço e da boa usabilidade. Não menos importante, a qualidade do áudio, em chamadas com o fone Bluetooth, é ótima.

Tem 3G, mas nada de webComo era de se esperar, o LG Watch Phone não tem navegador, nem outras funções de internet. O 3G serve mesmo apenas para chamadas em vídeo, algo pouco utilizado no Brasil. Outro ponto negativo é a impossibilidade de ouvir música pelo fone Bluetooth que acompanha o aparelho. Logo se vê que multimídia não é sua praia, pois a memória interna dele é de apenas 80 MB – e, claro, não há espaço para colocar um cartão microSD. Uma pena, pois o som é surpreendentemente bom para um equipamento tão pequeno. Deslizando com o dedo para cima e para baixo na tela principal, você troca o modo de visualização das horas. São oito estilos, incluindo simulações de sistemas analógicos, digitais com contagem visual de segundos e até opções para manter o horário de duas cidades do mundo sempre na tela. Todas essas frescuras gráficas pulando na tela de boa qualidade afetam diretamente a duração da bateria. Nos testes realizados pelo INFOLAB, ela suportou apenas 160 minutos, durante chamadas de voz.A construção do relógio é um detalhe à parte. O material usado é aço inoxidável, coberto por vidro temperado. Ele é resistente a água, embora não suporte mergulhos. A pulseira é de couro rígido preto. Uma ferramenta que vem no pacote ajuda a abrir a tampa do aparelho, caso seja necessário retirar o SIM card. Para agilizar o acionamento de alguns comandos, há três botões na lateral – para fazer ligações, encerrar chamadas e voltar ao menu anterior





Smartphones a um passo da tradução simultânea


Já pensou estar falando com alguém em outra língua e ter as frases traduzidas instantaneamente? Em breve, isso será possível.

A tradução instantânea por voz foi tema da Mobile Voice Conference 2010, em São Francisco. Diversos fabricantes afirmaram que a ferramenta já é possível em algumas situações.

O grande empecilho desse tipo de tecnologia é a complexidade gramatical e cultural a que o software tem de compreender e traduzir.

Um desses fabricantes é a Novarius, que demonstrou um software capaz de traduzir simultaneamente frases comuns. Já a Fluential, outra fabricante, demonstrou um sistema baseado em servidores para a tradução em um hospital.

Os softwares não podem traduzir a fala toda, mas são rápidos o suficiente para trazir uma conversa mantendo o ritmo normal da fala. O software da Novarius, por exemplo, tem como objetivo que um viajante fale determinadas frases em um celular e receba a tradução delas na língua local.

Tanto o software da Novarius quanto o da Fluential ainda não estão disponíveis no mercado, mas há previsão de comercialização.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

Garmin nüvi 1200, o GPS tagarela


Modelo com tela de 3,5 polegadas capricha nos comandos de voz

navegador Garmin nüvi 1200 é interessante para quem quer ser guiado por aí sem olhar diversas vezes para a telinha. Dentro de suas 3,5 polegadas, as informações são exibidas com detalhes, mas seu ponto forte é mesmo o recurso da fala. Um locutor diz os nomes das ruas com clareza e fornece instruções precisas. Os menus também são intuitivos, com botões grandes. A lamentar, só o preço: 1.399 reais.

Equipado com os mapas City Navigator Brazil, na versão 2010.30, da Navteq, o GPS garante navegação completa por 646 cidades. Já o número de municípios identificados sobe para 1.290. O banco de dados parece atualizado – durante nossos testes em São Paulo, o aparelho não falhou ao pronunciar os nomes das ruas. Só não mandou bem nas palavras acentuadas, trocando “quilômetros” por “quilometros”, por exemplo.

Em geral, as marcações de velocidade e distância desse modelo são precisas. O nüvi 1200 também identifica radares e o excesso de velocidade, mas não exibe qualquer aviso sonoro quando você está próximo de um radar, ou acima da velocidade permitida. Nos testes do INFOLAB, a recepção do sinal foi boa, e o GPS se saiu bem ao passar por túneis, calculando a rota sem sobressaltos. O recálculo, porém, demorou de 5 a 10 segundos, tempo acima da média.




Fonte: http://info.abril.com.br/

Tráfego do Twitter desbanca YouTube e Orkut


O Twitter detém cada vez mais o tráfego de dados dos sites de mídia social no Brasil. Os resultados são de uma análise recente feita pela StatCounter.
Somente os sete maiores sites de mídia social no Brasil participaram da análise, entre os quais é possível destacar Twitter, Facebook, Orkut e YouTube.
O Twitter despontou no ranking apresentando 56% do tráfego de dados no Brasil. Segundo o relatório, um dos motivos que pode estar fazendo com que a rede social cresça mais a cada dia é a ampla divulgação da mídia. Além disso, a integração com o Facebook também atrai muitos usuários.
O Facebook vem em segundo lugar, com 20% do tráfego de dados, seguido pelo YouTube (16%), StumbleUpon (3,2%), Orkut (1,67%), Delicious (0,69%) e Digg (0,34%).
O YouTube registra queda desde setembro de 2009, quando apresentava tráfego de dados de 30% do total. O Orkut segue a mesma linha e apresenta queda de 37% (em janeiro) para 1,66% do tráfego durante esse mês.





sábado, abril 24, 2010

BlackBerry Bold 9700 é veloz e classudo


Smartphone com interface intuitiva trabalha 617 minutos longe da tomada


Elegante e com uma porção de recursos, o BlackBerry Bold 9700 é uma mistura de todos os aparelhos anteriores da RIM. Daí se conclui que ele é ótimo para o trabalho, com teclado QWERTY físico, bateria que dura mais de dez horas e sistema rápido. Apenas dois pontos desagradam: primeiro, o navegador de internet não se compara aos dos concorrentes; segundo, o aparelho custa 1.799 reais.

O smartphone conta com a famosa trinca 3G, A-GPS e Wi-Fi, além do Bluetooth. Sua memória interna é de 256 MB, mas ele aceita cartões microSD de até 2 GB. Quem garante a boa velocidade do modelo, além do sistema proprietário simples, é o processador de 624 MHz. A performance não é afetada nem quando há vários aplicativos abertos. Já vêm instalados vários clientes para serviços na web, como Twitter, Flickr, Facebook, MySpace e BlackBerry Messenger.

A tela de 2,4 polegadas desse BlackBerry não é touchscreen. Porém, graças a um trackpad sensível e com boa resposta, é possível navegar pelos menus, dar zoom para tirar fotos, fazer a rolagem das páginas e mover o cursor do navegador web de maneira confortável. No mais, o teclado QWERTY é grande e possui teclas salientes, facilitando a digitação de mensagens, e-mails e a edição de arquivos do pacote Office.
Quebra o galho no lazer

Na hora da diversão, o BlackBerry Bold 9700 se sai muito bem para um smartphone dedicado ao trabalho. Ele aceita diversos formatos de áudio e vídeo: toca MP3, WMA, ASF, MIDI, AMR-NB, AAC, AAC+ e eAAC+, além de rodar 3GP, XviD, H.263, H.264, WMV3 e MPEG4. Pena que não possui rádio FM. Já a câmera de 3,2 megapixels tem flash e foco automático. Além disso, estão presentes o estabilizador de imagens e o zoom digital de 2 vezes, que ajudam a clicar fotos razoáveis.

Só que está na bateria o grande trunfo desse smartphone. Durante nossos testes, ele aguentou firme durante 617 minutos, um número surpreendente para a categoria.


Nokia 6710 é um belo co-piloto virtual


Smartphone navegador tem mapas na memória e capricha nas instruções de voz

Sair de carro com o GPS do smartphone ligado é uma maravilha, mas baixar os mapas quando não se tem um pacote 3G ilimitado pode ser a maior furada. A boa notícia é que a Nokia liberou navegação gratuita para alguns modelos, incluindo o Navigator 6710, um especialista no assunto. Ele traz no cartão de memória o programa Nokia Maps, que cobre cidades brasileiras. Além de economia com internet, proporciona ainda ganho de performance, pois é rápido como um GPS automotivo. Desbloqueado, ele custa 999 reais.

Durante os testes de sua principal função pelas ruas de São Paulo, o aparelho se portou muito bem. Mesmo com a visualização limitada pela tela de apenas 2,6 polegadas, foi possível enxergar todas as instruções sem fazer confusão. Os comandos de voz também foram passados com a devida antecedência em relação às manobras. A localização dos satélites mostrou-se rápida, principalmente quando o método de GPS assistido pela rede celular estava ativado – mas, nesse caso, o celular gastou alguns megabytes de dados.

O menu principal do programa de navegação não é muito parecido com o dos aparelhos de GPS automotivos. Ele não possui campos específicos para busca de cidades ou ruas, por exemplo. Para encontrar destinos, é necessário digitar o endereço completo. Nada que alguns minutos de prática não resolvam. Também é preciso ter paciência com a digitação via teclado alfanumérico. Um problema é a pouca quantidade de pontos de interesse cadastrados. Uma vantagem é o suporte para colocar o modelo no vidro do carro.
Poderoso também fora do carro


Suprindo faltas de suas versões anteriores, agora o Navigator 6710 tem pacote completo de conexões: 3G, Wi-Fi e Bluetooth. Quando se fala de conectividade e aplicativos, portanto, ele fica devendo muito pouco aos smartphones topo de linha da marca. Seu processador de 600 MHz acelera o celular de forma competente, mas sofre para manter muitos programas abertos e ainda trabalhar com velocidade.

Com 5 megapixels, a câmera segue o padrão Carl Zeiss de qualidade. Tem flash duplo de LED, foco automático, estabilizador óptico e ajuste de exposição, por exemplo. As fotos tiradas no INFOLAB ficaram muito boas, mesmo em ambientes com iluminação apenas razoável. Os arquivos de imagem, vídeo e música vão para o cartão microSD de 2 GB, já que a memória interna tem somente 50 MB.

Entre os programas pré-instalados no celular, não há nada muito diferente do que vemos na maioria dos aparelhos com Symbian. Ele tem QuickOffice com suporte à versão 2007 do pacote de escritório (exceto PowerPoint) e acesso rápido a alguns serviços na internet, como YouTube e Facebook. No mais, vale apenas ressaltar o visual bonito da galeria de imagens e a tela de ótima qualidade até para rodar jogos e pequenos vídeos.




Fonte: http://info.abril.com.br/

iPhone terá Google Maps Navigation


O Google tem um plano de dominação bem interessante com o Google Maps Navigation, o sistema de navegação gratuito da empresa, que utiliza o Street View, imagens de satélite e informa tráfego. O próximo passo para a expansão do mercado é a expansão do aplicativo para outrar plataformas, inclusive para iPhone.


Antes disponível apenas para celulares com o sistema operacional Android, o aplicativo quer se expandir. Quem diz isso não sou eu, e sim Steve Lee, gerente de produtos do Google Maps, que contou ao site TechRadar que a ideia é colocar o sistema em outras plataformas.

E se a expansão é para várias plataformas, o iPhone não deve ficar de fora por uma questão simples: o anunciado iPhone OS 4.0 terá multitarefa para algumas aplicações. Dentre elas, apps de navegação. É só juntar as peças, não? Vale lembrar que o sistema ainda não está disponível no Brasil, apenas nos EUA e na Inglaterra, que recebeu o aplicativo na última semana.




Fonte: http://info.abril.com.br/

Apple estuda fabricar produtos no Brasil


Ainda não está nada certo, mas rumores indicam que a fabricação de produtos da Apple aqui no Brasil pode estar mais próxima do que se imagina.

De acordo com informações do Jornal Folha de S. Paulo, a Apple e a Foxconn, fabricante dos produtos da maçã na China que possui uma fábrica em Jundiaí, SP, tem avaliado a possibilidade de passarem a produzir iPhone, o MacBook e o iPod. As conversas entre as duas empresas, que tiveram início em meados de 2009, interromperam-se no final do ano e intensificaram-se há duas semanas.

O objetivo da empreitada é reduzir custos e impulsionar as vendas desses produtos no país. Só para se ter uma ideia, enquanto no Brasil a Apple comercializou no primeiro trimestre deste ano apenas 80 mil aparelhos iPhone, no mundo foram vendidos nove milhões de unidades no mesmo período.

Cálculos indicam que haveria uma redução de 15% nos custos, o que deixaria o preço do aparelho produzido no Brasil cerca de 10% mais alto que na China. Hoje ele desembarca custando 70% a mais.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

Conhece os 7 pecados de quem perde tempo?

SÃO PAULO – Seu dia começa e termina sem um foco específico? Talvez você esteja com problemas sérios para administrar seu tempo.
De acordo com Christian Barbosa, especialista em administração do tempo e produtividade e fundador da Triad PS, o problema pode estar na falta de planejamento, que geralmente é o fator responsável pela falta de resultados satisfatórios.
O especialista enumera sete “pecados” relacionados a perda de tempo que têm impacto direto na produtividade. Confira:

1- Não possuir uma agenda para otimizar o seu planejamento: esquecer os compromissos agendados durante a semana pode acontecer de vez em quando, mas, se você não obtiver nenhum meio de lembrar das suas atividades, tenha certeza que isso acontecerá com maior frequência.

2- Mal organização da semana: as pessoas acreditam que planejar a semana significa agendar todos os compromissos para segunda-feira. Aí está o erro. Provavelmente você ficará tão acumulado em suas tarefas, que sua semana inteira será afetada pelo adiantamento delas.

3- Ambiente de trabalho desorganizado: você mal consegue encontrar sua agenda em meio a sua confusão da mesa de escritório? Então comece já uma limpeza, deixe a sua vista tudo o que realmente necessita para exercer o seu trabalho. Assim, não perderá tempo à procura de sua caneta.

4- Completar a agenda: engana-se quem acha que, quando o dia está completo de compromissos, o dia irá render. As pessoas tendem a se esquecer das urgências. E elas acontecem sempre. Não lote a sua agenda de compromissos, deixe sempre algumas horas reservadas para as atividades extras que possam surgir.

5- Uso indevido da internet: ela veio para agilizar nosso dia, e não para tirar nosso foco dos afazeres importantes. Navegar horas e horas na internet sem fins especificados pode se tornar uma das maiores perdas de tempo, em vão. Sempre que se conectar, tenha em mente o que procura e por que procura.

6- E-mail MSN: e-mail não foi feito para se trocar ideias e conversas. Seja objetivo ao escrever correspondências. Foque o assunto e solicite uma resposta. Se for urgente mesmo, por que não ligar? O e-mail deve e pode ser seu melhor aliado no trabalho, é uma ótima ferramenta para otimizar o cumprimento de suas atividades profissionais, mas é preciso saber usá-lo. Se você encaminha correntes, não está no caminho certo.

7- Sem tempo para você: deixar de cuidar da pessoa mais importante da sua vida pode não ser uma boa ideia. Separe um tempo para você, pode ser um curso que lhe traga satisfação, ou a prática de exercícios. O importante é lembrar que as pessoas à sua volta precisam de você e, para ajudá-las, você precisa estar bem consigo mesmo.

sexta-feira, abril 23, 2010

A Internet vai mudar - e muito - nos próximos anos!


Endereços, agora, já podem conter o “cê cedilha”; e os chineses podem usar os ideogramas

A Internet vai mudar – e muito – nos próximos anos. Além de seu crescimento inevitável e exponencial, uma série de novas regras deverão fazer parte da sua vida online. Uma delas já foi anunciada, e diz respeito ao uso de caracteres não-arábicos. Endereços na internet já podem conter, por exemplo, o “cê cedilha”; os japoneses e chineses já podem usar os ideogramas, assim como árabes, russos e gregos podem usar o próprio alfabeto.

“A gente vai adaptar a tecnologia, temos várias coisas que podem ser feitas para acessar a todos os sites. Mas tem que se lembra que as mudanças vão beneficiar os grupos lingüísticos locais, e o restante tem suas formas de mudar e se adaptar”

Uma outra mudança, que já está em estudo, diz respeito à estrutura dos domínios. Hoje, os endereços têm algumas limitações no chamado primeiro nível, ou seja: aquilo que vem depois do nome da marca. Os endereços no Brasil, por exemplo, têm o “ponto BR” seguido de algumas variações, por exemplo: “ponto com” para empresas, ou “ponto art” para caracterizar sites relacionados à arte, ou “ponto gov” para páginas do governo. Em breve, esse “ponto alguma coisa” poderá ser, realmente, qualquer coisa! O Olhar Digital, por exemplo, poderá registrar o “ponto olhardigital”, ou “ponto tecnologia”, e explorar este primeiro nível da forma que quiser. A gente poderia, por exemplo, disponibilizar domínios para nossos telespectadores: www.seunome.olhardigital . Legal, né?




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

Veja oito tablets que não são fabricados pela Apple


Depois do sucesso do iPad, várias empresas querem entrar na disputa por uma fatia desse mercado. Então, se você tem vontade de adquirir um aparelho, mas pensa em explorar um pouco mais os modelos e variedades, saiba que quase todos os grandes fabricantes de eletrônicos estão trabalhando para lançar um tablet ainda este ano.

O site da Wired mostrou oito tablets diferentes, que não foram fabricados pela Apple.

O JooJoo pertence à compania Fusion Garage, de Singapura e foi lançado na mesma semana do iPad. Com sua tela de 12,1 polegadas, JooJoo é quase um quilo mais pesado que o iPad. Ele roda um sistema operacional personalizado baseado em Linux e suporta vídeos HD e Flash. O valor do tablet é de US$ 500.

O HP Slate deverá ter tela de 8,9 polegadas, processador de 1,6 GHz Atom, capacidade Wi-Fi e acesso 3G opcional. Os valores devem ficar em torno de US$ 600 e o lançamento deverá ser ainda esse ano.

O Dell Mini 5 terá uma camera com 5 megapixels no verso e uma câmara separada na frente que pode ser usada para videoconferências. Além disso, terá um fone de ouvido padrão 3,5 mm, Wi-Fi e conectividade 3G. A Dell promete o lançamento para 2010.

O WePad terá uma tela de 11,6 polegadas, duas portas USB, uma câmera de 1.3 megapixel, suporte a Flash e bateria com seis horas de duração. O WePad será lançado esta ano na Europa e custará entre US$ 600 e US$ 775, dependendo do modelo.

Segundo o jornal The New York Times, o Google vem trabalhando em um tablet - Google Chromium Tablet - que terá o sistema operacional Android e acesso rápido ao Facebook. Não há informações sobre a data de lançamento.

O Notion Ink Adam terá uma tela de dez polegadas, uma câmera de 3 megapixels, um processador NVIDIA Tegra e uma bateria com 16 horas de vida útil. O lançamento está previsto para julho e os valores podem variar entre US$ 350 e US$ 800.

O Archos 7 Home deve ter sistema operacional Android e tela de 8 polegadas. Os valores irão variar entre US$ 150 e US$ 200. O lançamento do tablet está previsto para abril, na Europa.

O ICD Gemini terá tela multi-toque de 11,2 polegadas. O tablet apresentará rádio FM, GPS, Wi-Fi, 3G e uma câmera de 2 megapixel na frente e uma câmera de 5 megapixels na parte traseira.

Browser para navegar na TV tem mouse que parece pulseira


Tem gente que não consegue ficar no monitor de 14 polegadas, ainda mais se for para assistir a um vídeo. Para estas pessoas, uma boa notícia. Há pouco mais de dois meses foi lançado, com o apoio do Mozilla, o browser Kylo, criado especialmente para as telas de televisão.

Mas ao contrário de um navegador para o computador, no Kylo não é preciso digitar nada porque aparece um teclado virtual para clicar o endereço com um "controle remoto" específico para o programa. A Hillcrest Labs, empresa desenvolvedora do browser, fez um mouse que funciona no ar para ser usado com o Kylo. Batizado como Loop, o mouse lembra uma pulseira e apresenta um scroll e um botão.

No Kylo aparecem mais de 128 opções de sites dividos em categorias como Movies, Music, Sport, News, Games, etc. Existe na parte de baixo uma barra de ferramentas com espaço para digitação de um site, além de um botão de busca e de favoritos.

O risco de imcompatibilidade com websites é mínimo, mas existe. De acordo com o site MacWorld, o Hulu (site onde estão hospedados canais de TV dos Estados Unidos), por exemplo, não funciona lá.

No YouTube você encontra uma demonstração do browser (pelo atalho http://tinyurl.com/yyft4a3). O download é gratuito mas o mouse custa $99. Agora sim o episódio de Lost, que você via no monitor do seu pequeno computador, ficará bem mais emocionante.




Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/

BR ultrapassa 179 milhões de linhas móveis ativas


O Brasil registrou em março desse ano 179.109.801 linhas ativas de celulares. Esse número é resultado das 2.338.763 novas linhas obtidas somente no mês passado.

Segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), houve registro de crescimento de 1,32% em relação ao mês de fevereiro.

Do total de acessos do Serviço Móvel Pessoal (SMP), 147.730.397 (82,48%) são de celulares pré-pagos, enquanto 31.379.404 são pós-pagos.

Quanto à preferência por operadora, a Vivo permanece em primeiro lugar no ranking, com 53.949.131 de SMP. Em seguida, a Claro (45.583.222) e a Tim (42.368.120).

O aumento é o maior já registrado pela Anatel desde que começou a efetuar a medição, em 2000.

Lenovo anuncia linha verde de notebooks


Seguindo o modelo da Vaio, que lançou um netbook feito de material reciclado, a Lenovo anunciou uma linha de notebooks verdes.

Os modelos da série L utilizam dez garrafas de plástico recicladas. O ThinkPad L512, por exemplo, possui 18% de seu material feito de garrafas e eletrônicos usados.

Entre os gadgets da série, é possível escolher entre Core i3 e Core i5, ATI Randeon HD 5145 e ter até 8GB de RAM disponível.

O preço do aparelho por aqui ainda não foi divulgado. Uma versão mais simples, que traz 160GB de HD e 1GB de RAM sairá nos Estados Unidos por US$649.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

quinta-feira, abril 22, 2010

Sony lança smartphone Android no Brasil


O novo smartphone da Sony Ericsson chega nesta semana ao mercado brasileiro. O Xperia X10 será lançado, inicialmente, com a operadora Vivo e os preços variam de acordo com o plano dos usuários. O smartphone desbloqueado tem preço sugerido de R$1.899

O aparelho roda sistema operacional Android e tem processador Qualcomm Snapdragon de 1GHZ, considerado o chip mais rápido dos telefones móveis disponíveis no Brasil.

O novo Xperia tem 1GB de memória interna e cartão microSD de 8GB, no entanto, é compatível com cartões de até 16 GB. O equipamento ainda tem câmera de 8.1 MP que produz vídeos com reconhecimento facial e geo tagging.

Com tela touch de 4” resistente a arranhões, o produto é lançado no mercado brasileiro na cor preta, embora a fabricante já tenha avisado que em breve também estará disponível na versão branca.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

TVs com leitor de Blu-ray embutido


A Sharp acaba de anunciar uma novidade que promete virar tendência. A empresa lançou uma linha de TVs de alta definição com leitor de Blu-ray embutido.

As TVs fazem parte da já conhecida linha AQUOS e serão lançadas em quatro modelos: LC-52DX3, LC-46DX3 e LC-40DX2 e LC-32DX3. As três primeiras, além de Blu-ray, têm suporte a resolução FullHD 1080p e telas com tamanhos entre 52 e 40 polegadas. Já o último modelo será vendido com tela de 32 polegadas e 720p de resolução. Todos eles têm, no mínimo, duas portas HDMI e saídas RGA, VGA e USB.

Os três primeiros modelos estarão disponíveis no mercado japonês a partir do dia 10 de junho. Já o quarto modelo, passará a ser vendido no dia 20 de maio. A empresa ainda não divulgou o preço dos novos aparelhos.

No começo deste ano, a Sony já havia anunciado um aparelho desse tipo, o modelo KDL-40EX40B.




Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/

Gizmodo exclusivo: conheça o novo iPhone da Apple


Você está olhando para o novo iPhone da Apple. Ele foi encontrado em um bar em Redwood City, camuflado para parecer um iPhone 3GS. Nós temos ele. Nós o desmontamos. É real, e aqui estão todos os detalhes.

Apple ainda pode modificar o design final tanto do telefone quanto da sua caixa, mas está claro que os recursos deste iPhone da nova geração estão drasticamente novos e diferentes do que veio antes.
A Apple ainda pode modificar o design final tanto do telefone quanto da sua caixa, mas está claro que os recursos deste iPhone da nova geração estão drasticamente novos e diferentes do que veio antes. Esta é a lista completa do que encontramos:

As novidades

•Câmera frontal, para videochamadas.
•Câmera traseira melhorada (há flash, e a lente é notavelmente maior do que a do 3GS).
•Como o iPad, ele usa cartão Micro-SIM em vez de SIM card padrão.
•Tela melhorada (não se sabe se a resolução é 960x640, como diziam alguns rumores, mas a julgar pela qualidade e resolução da imagem na tela "Connect to iTunes", ela é definitivamente bem maior que a resolução do 3GS).
•No topo, ao lado da entrada de fones de ouvido, há um microfone secundário, provavelmente para cancelamento de ruído.
•Botões separados para aumentar e diminuir o volume.
•Botões power, mute e volume são todos metálicos.
Como é ele na mão

Inacreditavelmente maravilhoso e ergonômico. Como sou uma pessoa que nunca gostou muito do modelo arredondado das costas do 3GS, o design mais fino, mais plano e quadrado é super bem-vindo. Ele parece mais durável e robusto que o 3GS, e muito menos brinquedo de plástico. Essa sensação é amplificada pelos botões de metal. O parente mais próximo deste na verdade é o primeiro iPhone, que era um pouco mais quadrado e pesado que seus irmãos mais novos.

Como a parte da frente e de trás são glossy, não há diferença em quão bem você pode segurá-lo sem que ele escorregue. E como ele é mais fino, fica melhor nas suas calças, sem o efeito homem-berinjela.

O que significa

A Apple atualizou o exterior de maneira drasticamente diferente do 3G e 3GS. Esse design hoje parece velho, parecia meio fora de lugar em relação aos outros produtos e precisava desesperadamente ser morto. Agora você tem um corpo mais fino, um formato sem espaço desperdiçado cheio de linhas retas. MAs o design não é a parte mais importante que mudou.



Fonte: http://www.gizmodo.com.br/

BR: Cresce preocupação com segurança na web



Uma pesquisa realizada recentemente pela Unisys, empresa de TI, revela que o Brasil é a segunda nação mais preocupada com segurança na internet dentro de um grupo de nove países, ficando atrás apenas da Alemanha.

A companhia mediu o nível de preocupação com segurança em uma escala de 0 a 300 e quanto maior o número, maior a preocupação. A Alemanha, que liderou a lista, teve uma pontuação de 156. O Brasil registrou 146, seguido pelo México, com 141. Foram investigados o nível de preocupação em relação a compras online, internet banking, vírus e spam

Em 2007, o mesmo estudo havia registrado uma preocupação no país 8% menor: 135, na escala que vai até 300. De acordo com Bruno Rossini, Gerente de Relações Públicas da Symantec, uma das causas do aumento é que antes, os vírus e ameaças eram brincadeiras de mau gosto e a partir de 2006, os crackers perceberam que poderiam ganhar dinheiro com isso.

O Brasil está hoje entre os cinco maiores originadores de ataques do mundo, ficando na frente de países que têm o dobro ou até mesmo o triplo de máquinas conectadas.

O estudo entrevistou 9.429 pessoas na Austrália, Bélgica, Alemanha, Mexico, Holanda, Nova Zelândia, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos. No Brasil, foram 1.500 entrevistados.




Fonte: http://info.abril.com.br/

Netbook com Linux aguenta 8 horas fora da tomada


A norte-americana ZaReason está colocando no mercado um netbook com "fôlego" recorde. Batizada de Teo, a máquina é capaz de aguentar oito horas longe da tomada. O segredo está no uso de um processador Intel Atom N450, mais econômico que o tradicional N270, e uma bateria de alta capacidade com seis células.

No resto, o Teo é um netbook bastante comum. Tela de 10 polegadas e resolução de 1024 x 600 pixels, HD de 160 GB, câmera de 1.3 MP e três portas USB. Mas além da bateria, a máquina também é generosa em RAM: são 2 GB, o dobro do que é geralmente encontrado em um netbook convencional.

A empresa entrega a máquina com o Ubuntu 9.04, Linux Mint 8, Fedora 12 ou sem sistema operacional algum, à escolha do freguês. Um detalhe: no gabinete, em vez do tradicional adesivo "Designed for Windows", o usuário encontra um adesivo com Tux e o texto "Powered by Linux".

O ZaReason Teo não é barato: nos EUA custa US$ 460 (equivalente a pouco mais de R$ 800). Em compensação, não é possível encontrar uma combinação de características técnicas fortes e orgulho do Linux como esta em nenhum outro lugar.




Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/

quarta-feira, abril 21, 2010

Veja os celulares com TV digital já disponíveis no Brasil


A Copa do Mundo começa em junho, e os fabricantes de telefones celulares apostam em modelos com receptor de TV digital integrada, já que muitos jogos ocorrem em horário de trabalho, com partidas às 11h ou às 15h30.

Selecionamos os modelos com preços que vão de R$ 399 a R$ 1.399 já à venda no mercado brasileiro. Vale lembrar que recurso de TV digital 1-seg é gratuito, já que os aparelhos captam o sinal das emissoras nas cidades que têm transmissão digital. Veja as opções.

LG TV Phone GM600
Com uma tela de 3 polegadas sensível ao toque, o modelo da LG grava a programação de TV 1-seg das emissoras. Além disso, reproduz vídeos no formato DivX (popular na internet), usa tecnologia de som Dolby Mobile e conta com uma câmera de 3,2 megapixels.

O GM600 vem com cartão de memória de 2 GB (expansível a 16 GB) e sua interface usa um tema 3D em cubo para alternar entre os aplicativos e recursos. Seu preço sugerido é de R$ 699.

Nokia SU-33WB com N85
A companhia finlandesa tem produtos com padrão Europeu à venda (como o N96) - que é incompatível com o padrão brasileiro de TV digital. Entretanto, o adaptador para TV digital SU-33WB, que será vendido inicialmente com o celular N85, resolve o problema.

O acessório, que não tem uma antena, se conecta ao celular por tecnologia Bluetooth. Após a sincronia de dados, o celular passa a mostrar um ícone de TV em sua interface e a bateria dura cerca de sete horas (para o adaptador apenas). Preço sugerido: R$ 1.399 com o N85, um celular com câmera de 5 megapixels com lentes Carl Zeiss, geotag nas fotos, wi-fi, 3G, tela OLED, cartão microSD, faz vídeos a 30 quadros por segundo, A-GPS e browser com suporte a Flash.

Samsung Star TV i6220
Também com uma tela sensível ao toque de 3 polegadas, o Star TV tem um recurso adicional: gravar trechos de programas de TV para assistir depois no celular. Vem com câmera de 3 megapixels com recurso de detecção de faces, cartão de 1 GB de memória, acesso a redes sociais com o uso de widgets, MP3 player e conectividade GPRS apenas. Preço sugerido: R$ 899.

Samsung Star TV Lite (i6230)
O outro aparelho da Samsung com TV digital integrada grava até 8 horas de programação no cartão de memória de 2 GB.

Vem com câmera de 1,3 megapixels com recurso para detectar faces e sorrisos, integração a redes sociais e sincronia de e-mails, incluindo contas Microsoft Exchange. A tela do Star TV lite tem 2,8 polegadas e o aparelho tem preço sugerido de R$ 599.

ZTE N290
O N290 traz uma tela de 3,2 polegadas com resolução de 240 x 400 pixels. O aparelho conta ainda com uma câmera de 2 megapixels, rádio FM, MP3 player, conectvidade Bluetooth e USB 2.0. A bateria tem duração estimada em 10 horas, e o aparelho mostra canais de TV com transmissão digital 1-seg, adaptada para telas menores.

Segundo a ZTE, o N290 será vendido inicialmente pela operadora Vivo pelo preço de R$ 399 em plano pré-pago em São Paulo e no Rio de Janeiro. Em um plano pós-pago de 200 minutos, o aparelho sai por R$ 199 (plano Vivo Você).




Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/